Outros

Saiba quais as cidades mais caras para se morar no Brasil

O Brasil não para de crescer! Nós não estamos falando de território, mas de pessoas. Em cidades superlotadas, de picos turísticos e que são visadas internacionalmente não é difícil entender o alto custo de morar nessas regiões, nas quais não é possível ter qualidade de vida por baixo custo. Demanda exacerbada de produtos, necessidade de gerar renda, população crescente, tudo isso contribui para que não seja barato viver nesses lugares. O ciclo social é constante e não tende a diminuir. As cidades brasileiras a seguir aparecem no ranking dos lugares mais caros para se viver no mundo inteiro:

Rio 450 Anos

Rio de Janeiro (RJ)

Inspiração de poetas e paraíso tropical, o Rio de Janeiro é uma das cidades mais desenvolvidas do país e também uma das mais caras para se morar. O aluguel de um apartamento entre 80 e 90 metros em uma área nobre pode chegar a custar R$5,255,00. Considerando esse valor, quem já mora no Rio de Janeiro deve ficar atento ao IPTU RJ. E se você ficou impressionado, deve saber que 1 quilo de tomate por lá custa quase R$5,00.

Brasília (DF)

Com mais de 3.000.000 habitantes, a capital do pais também entrou no ranking dos lugares mais caros para se viver. Não é somente o aluguel que pode ter um alto valor em Brasília, chegando a custar quase R$40,00 por metro quadrado nas áreas nobres, o entretenimento também não sai barato. Dois ingressos para o cinema, por exemplo, não custam menos que R$40,00.

Belo Horizonte (MG)

Belo Horizonte, capital do estado de Minas Gerais e 6° município mais populoso do país está igualmente no ranking. Você sabia que cerca de 8 km rodados de táxi em um dia útil custam R$40,00?

O tomate também chega a linha de aproximadamente R$5,00. Nas regiões mais nobres de BH, o aluguel de um apartamento de 85 metros quadrados não irá custar menos que R$2,700,00.

São Paulo (SP)

Dividida em cerca de 645 municípios, a populosa e desenvolvida cidade de São Paulo é, de certo, um dos lugares mais caros para se viver. Um quilo de tomate chega a custar R$5,16. Ela tem um dos metros quadrados mais caros do Brasil, atrás do Rio de Janeiro. O aluguel de um apartamento de espaço mínimo chega a custar R$4,221,00. É importante manter em mente que qualidade de vida e custo de vida são coisas diferentes. Ter acesso à cultura, entretenimento, alimentação digna e moradia é um direito nosso, mas com o salário congelado e a inflação, quem mora nessas potências desenvolvidas deve eleger prioridades.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *